Qual aluno que, no meio de uma aula de inglês, nunca perguntou ao teacher sobre a tradução de uma  palavra em inglês, o que ela significa em português? E quando o professor responde que não tem tradução, acha muito esquisito e não entende o porquê? Assim como existem palavras do português que não têm tradução para o inglês, existem muitas palavras em inglês que não têm tradução em português. Hoje vamos revelar algumas dessas palavras para você. Leia este post até o final e descubra!

Mania do português

Nós brasileiros, temos o costume de querer traduzir tudo, nos mínimos detalhes, para o português, porém em alguns casos, isso não é possível. Em inglês, muitas vezes quando você diz uma palavra, não tem outra equivalente por aqui. E, pode parecer contraditório, mas isso facilita muito a nossa vida. Porque, muitas vezes, para explicar o significado da palavra em inglês temos que contar uma história. Por isso é muito importante entender o contexto da frase para compreender o que a outra pessoa está falando.

Inglês no dia a dia

O inglês já faz parte do nosso dia a dia. Quer ver? Internet, hot dog, hamburguer, Facebook. Pronto. Em poucos segundos é possível pensar em várias palavras. Elas não têm uma tradução específica no português, mas não há problema quanto a isso, já que nos habituamos a usá-las em suas formas genuínas.

Mas há palavras em inglês que não possuem equivalentes em português e não integram o nosso vocabulário cotidiano. Elas expressam conceitos particulares e não estão presentes no nosso idioma. É preciso conhecê-las para não passar por nenhuma situação embaraçosa no meio de uma conversa.

10 palavras em inglês que não possuem tradução

Elencamos a seguir 10 das inúmeras palavras em inglês que não possuem tradução para o nosso idioma. Você consegue se expressar de uma outra maneira, talvez com mais de uma palavra, uma expressão. Mas essas palavras em inglês não tem uma em português para traduzi-las. São elas:

1) Brunch – late morning meal combining breakfast and lunch

É uma refeição tardia, uma combinação do café da manhã com o almoço. Isso é muito comum nos Estados Unidos, principalmente nos dias de domingo. Você acorda um pouco mais tarde e faz um brunch, porque não sabe se toma café da manhã ou se almoça. Mistura-se coisas do café da manhã com coisas do almoço. Quando a pessoa acorda, entre meio-dia e uma hora da tarde.

Não existe uma palavra em português para expressá-la. Até porque foi criada da combinação das palavras breakfast (café da manhã) e lunch (almoço).

Ex. She said she had brunch with a friend.

     ( Ela disse que teve um brunch com um amigo)

2) To own – to have something that legally belongs to you

Conhecemos o ‘own’ (próprio). Mas quando usado com verbo, o sentido muda. É algo que legalmente pertence a você. Ser dono/proprietário de alguma coisa. Em português dizemos ‘sou dono’.

Alguém poderia dizer: I have a house (eu tenho uma casa). Em inglês existem esses dois verbos, mas são usados em contextos diferentes.

Ex. I own a house.

    (Eu possuo uma casa, eu tenho uma casa)

Diferente de:

Ex. I have my own house. (Eu tenho minha casa própria.)

3) To propose – to ask someone to marry you

Esse verbo tem vários significados, mas para esse sentido específico, de pedir alguém em casamento, não temos uma tradução em português. Não há uma palavra ou verbo específicos para pedir alguém em casamento.

Ex. He proposed to me last night.

     (Ele me pediu em casamento na noite passada).

4) To afford – have enough to pay for

Você ter o suficiente para pagar por aquilo.

Podemos até traduzi-lo com outro verbo, mas quando você pensa em inglês, percebe-se que não é a mesma coisa. Você pode até representar com outro verbo em português, mas o sentido real não é o mesmo.

Ex. We can’t afford another trip this year.

     (Nós não podemos pagar por outra viagem este ano.)

*Poderia dizer: Nós não podemos pagar por outra viagem (We can’t pay for another trip). Se você falar ‘we can’t pay’, talvez você tenha outras prioridades; mas quando se usa ‘we can’t afford’ é porque você não tem condições financeiras, não tem como sustentar mais nenhuma viagem.

5) To text – enviar uma mensagem de texto

Como substantivo, pode ser traduzido como ‘texto’. Mas como verbo, não temos uma tradução no português próxima a ‘enviar uma mensagem de texto’.

  1. He didn’t text me all day.

     (Ele não me enviou mensagem o dia todo.)

6) E-mail – enviar um e-mail

Como substantivo, quer dizer correio eletrônico ou e-mail mesmo. Não existe um verbo ‘emeiar’ ou ‘emeiozar’.  E-mail como verbo significa ‘enviar um e-mail’.

Ex. Can you e-mail me this list?

    (Você pode me enviar essa lista por e-mail?)

    I’m going to e-mail you my my e-book.

    (Eu vou enviar para você por e-mail o meu e-book.)

7) Wink – piscar com um olho só

Quando queremos mostrar que estamos brincando, cumprimentar alguém, fazer um charme…

Ex. The robot winked to prove to the officer that he could trust him.

     (O robô piscou para provar ao policial que podia confiar nele)

    The man winked to show he was joking.

    (O homem piscou para mostrar que ele estava brincando.)

8) Blink – piscar com os dois olhos

Do jeito que piscamos normalmente. Em português, temos apenas o verbo piscar, com dois significados: wink/blink; vai depender do contexto para poder entender se é piscar com um ou com os dois olhos.

Ex. Why do we blink so much?

     (Por que que a gente pisca tanto?)

   She blinked quickly to clear the dust out of her eyes.

   (Ela piscou rapidamente para limpar a poeira dos seus olhos.)

9) Haters – odeiam tudo

Vem diretamente do verbo ‘to hate’ (odiar). Com certeza você já ouviu essa palavra em algum lugar. Com a febre das redes sociais, já está mais do que incorporada ao português.  Ela se refere àquelas pessoas que parecem que odeiam tudo, que ficam fazendo críticas negativas por aí, e que adoram ‘causar’ nos posts alheios na internet.

Ex. Thank God, I don’t have many haters.

     (Graças a Deus, eu não tenho muitos haters.)

    Why are there so many haters nowadays?

   (Por que existem tantos haters hoje em dia?)

10) Outplay – jogar melhor do que alguém/algum time

Você pode até pensar em um monte de palavras que poderiam substituí-la, mas acredite, não vai conseguir achar uma tradução específica para ela.

Ex. Brazil outplayed Argentina last game.

    (O Brasil jogou melhor que a Argentina no último jogo.)

    Neymar outplayed Messi.

  (O Neymar jogou melhor do que o Messi.)

Conclusão

Essas são apenas 10 palavras em inglês, dentre centenas, que não possuem tradução no português. Viu como elas são bem simples de usar, mas que no português precisam de várias outras para passar a mesma ideia?

Não podemos esquecer de que inglês e português são línguas diferentes, então vamos aceitar as diferenças e dar um up no aprendizado!

Gostou do nosso artigo sobre as palavras que não possuem tradução? Então, assine nossa newsletter e receba outras dicas práticas de estudo!