Diante do cenário atual de crise econômica no país, garantir uma renda extra é a saída que muitos profissionais encontram para conquistar sua estabilidade financeira. E conhecer o mercado em que atua é fundamental para perceber as oportunidades de faturar mais.

Para os professores, o ideal é investir em um negócio próprio na área de educação, afinal o setor oferece uma grande demanda, principalmente por meio do ensino online. Cada vez mais as pessoas buscam capacitação e conhecimento para enfrentar o mercado de trabalho, e as ferramentas da rede facilitam esse processo.

Se você é professor e está pensando em como fazer para garantir sua renda extra, confira agora 5 ideias promissoras de investimento na área de educação!

1. Dar aulas particulares

Essa não é uma novidade, mas é um mercado que não deixa a desejar. As aulas particulares podem ter a singularidade de serem focadas em determinado aspecto. Seja para vencer dificuldades ou aprimorar habilidades, as aulas particulares precisam estar voltadas a alguma especialidade.

As aulas de inglês, por exemplo, podem ser específicas para conversação, e as aulas de português focadas em redação. Enfim, o interessante é que o professor observe dentro de sua área de atuação uma especialidade que tenha demanda e se concentre nela.

2. Vender conteúdo online

As pessoas buscam por conteúdo online todo o tempo, seja qual for o tema, haverá sempre demanda. Sendo assim, a venda de conteúdo na internet é um mercado em expansão que pode ser explorado por quem detém conteúdo de qualidade e possa produzir textos, áudios ou vídeos e colocá-los a venda na rede.

A web, além de oferecer um campo de atuação com mecanismos de venda e pagamento fáceis e seguros, também favorece a comunicação com usuários e divulgação do conteúdo para um público amplo. A divulgação é o ponto chave, e nesse aspecto as redes sociais são excelentes ferramentas de propaganda e alcance de pessoas.

3. Atuar como freelancer

O freelancer também pode atuar online. Seja qual for sua habilidade e área de conhecimento é possível se inscrever com currículo próprio em sites que ofereçam trabalhos na área de escrita, produção, desenho, desenvolvimento etc. É uma boa forma de faturar um extra nas horas vagas sem sair de casa.

4. Dar aulas online

A ideia de vender conteúdo online pode ir mais longe. É possível dar aulas particulares online, em tempo real, para pessoas do Brasil e do mundo por meio de uma plataforma simples como o Skype.

Da mesma forma, a estratégia de divulgação na rede será essencial para o sucesso do negócio, mas as possibilidades são diversas, como ter um canal e ministrar aulas regulares para um público pagante.

5. Abrir uma franquia

As franquias na área da educação têm algumas vantagens interessantes como o baixo custo de investimento, já que possui uma estrutura oferecida pelo franqueador, e a credibilidade da marca no mercado. Além disso, a educação é uma preocupação de todos, principalmente diante do deficit educacional da estrutura pública do país.

Nesse cenário, abrir uma franquia pode ser considerado um investimento seguro. De acordo com a ABF (Associação Brasileira de Franchising) o prazo de retorno do dinheiro investido fica em torno de 12 a 24 meses, levando em conta outros fatores que influenciam, como a localização do empreendimento. E para finalizar, a melhor vantagem é que já é possível abrir sua franquia com método de ensino online.

Já deu pra ver que não faltam ideias de investimento na área de educação para você obter a sua renda extra, não é mesmo? Basta analisar o tipo de atividade que melhor se enquadra no seu perfil e expectativas, e começar a trabalhar. Mas não esqueça de contar pra gente qual investimento mais gostou, deixando o seu cometário no post!