Quer turbinar a sua carreira e ter um currículo relevante? Trabalhar no exterior pode ser uma excelente opção para se destacar em um mercado exigente e competitivo. Uma experiência fora do país é um grande diferencial para quem precisa engrenar o histórico profissional. Entretanto, conseguir uma vaga no exterior requer bastante pesquisa e determinação.

Confira agora 5 dicas valiosas que vão ajudar você a conseguir um emprego em outro país. Acompanhe!

1. Escolha um país que ofereça boas oportunidades para estrangeiros

Você pode tentar uma vaga em qualquer lugar do mundo. Mas certamente terá muito mais chances em locais abertos e receptivos aos interessados em trabalhar fora. Destinos comuns e que costumam ser bem acessíveis aos brasileiros são: Estados Unidos, Canadá, Irlanda, Japão e Austrália. Provavelmente você conhece alguém que já trabalhou ou estudou em um desses países. Então, aproveite para ter uma conversa e obter mais detalhes sobre as oportunidades e condições oferecidas por esses lugares.

2. Conheça as exigências do destino escolhido

Os requisitos para trabalhar ou estudar no exterior variam de acordo com as leis de cada país. Em alguns destinos, por exemplo, você só pode ir se tiver a nacionalidade daquele local. Por isso, pesquise sobre as condições impostas por cada nação e opte pelas mais flexíveis. Suas chances de conseguir uma colocação certamente serão maiores se não houver tantas exigências.

3. Faça uma pesquisa sobre o contexto do país

Não adianta sair de um lugar em crise para outro que não tenha mercado em sua área de atuação. Faça uma ampla pesquisa sobre alguns destinos e escolha aquele que esteja em crescimento ou que ofereça mais oportunidades para a sua carreira. Se o país não estiver passando por um bom momento econômico, político ou social, também não é recomendável procurar um emprego por lá.   

4. Economize para não passar sufoco

Mais importante do que pensar em ganhar dinheiro fora, é se planejar e estar preparado para quando esse momento chegar. Antes de comprar as passagens, realize um estudo de quanto você precisará para se manter no exterior. Até receber o seu salário, despesas como hospedagem irão aparecer e você deve dar conta do recado para não ficar no vermelho. Comece a poupar dinheiro com bastante antecedência e verifique se o montante será suficiente e compatível ao padrão de vida em determinado país. Se necessário, opte por destinos mais em conta.

5. Não perca tempo: trabalhar no exterior depende de atitude

Pesquisar, economizar e precaver-se são medidas essenciais. Mas de nada adianta se tudo isso apenas ficar no histórico do seu computador ou anotado em sua agenda. Após seguir os passos anteriores, coloque a mão na massa: comece a estudar para aperfeiçoar o idioma, faça contatos, renove seu passaporte e embarque tranquilo. O tempo certamente será seu aliado se você tomar atitudes e não deixar tudo para depois.

Agora que você já sabe disso, trabalhar no exterior não parece um sonho tão distante, não é mesmo? Além de alavancar sua carreira, você terá a oportunidade de conhecer outras culturas, desfrutar novas experiências e aproveitar tudo que os outros países têm a oferecer.

Então, vá atrás e não deixe de contar para nós em qual destino você deseja trabalhar! Compartilhe sua decisão conosco pelos comentários!