É comum o desejo de entender milhares de palavras e expressões do idioma estrangeiro e se esquecer daquelas que são utilizadas no seu próprio cotidiano. Afinal, você com certeza já se deparou com algumas das palavras em inglês usadas no dia a dia, seja no trabalho, na rua ou até dentro de casa.

Não se pode negar que o inglês já faz parte do nosso cotidiano, às vezes até mais do que imaginamos. Somos constantemente bombardeados de expressões e termos em inglês pelas séries, redes sociais, games, restaurantes etc.

A seguir, entenda o significado e a origem de algumas palavras em inglês populares no dia a dia dos brasileiros.

Feedback

Feedback pode significar algo como “retorno” em português. A morfologia da palavra revela um pouco do seu significado: formada pelo verbo “feed” (alimentar) e “back” (retorno). É uma palavra que nasceu no meio corporativo com o objetivo de fornecer uma avaliação construtiva das ações de um profissional. 

Obrigado pelo feedback. Agora sei como melhorar o meu trabalho!

Fitness

Fitness refere-se a um bom condicionamento físico, uma good health (boa saúde). Essa palavra faz parte do âmbito de atletas e de quem cuida do bem-estar do corpo de modo geral. A palavra é composta pelo adjetivo “fit” (em forma) e o sufixo “ness” (usado para transformar adjetivos em substantivos).

Não consigo me adaptar a essa geração fitness de hoje em dia.

Spoiler

Quem não odeia um spoiler? A palavra representa a temida ação de contar uma ou mais partes importantes de filmes, livros, séries, peças de teatro etc. a pessoas que nutrem o desejo de ler ou assistir essas atrações. A raiz da palavra está no verbo “to spoil”, que significa algo como “estragar”.

Por favor, não me dê um spoiler do novo filme!

Playlist

Playlist é uma das palavras em inglês usadas no dia a dia que nem precisam de tradução. O termo nasceu no meio radiofônico para designar músicas organizadas em lista. A origem da palavra vem da união entre o verbo “to play” (tocar) e o substantivo “list” (lista). Hoje, diversos aplicativos de músicas disponibilizam a opção playlist.

Vou para o trabalho escutando a minha playlist favorita.

Self-service

Deparar-se com placas de self-service é comuns em cidades brasileiras. O termo norte-americano é antigo e se refere aos “autosserviços”, ou seja, serviços em comércios, principalmente restaurantes, que não necessitam da presença de funcionários. A palavra é composta pela união entre os termos “self” (si mesmo) e “service” (serviço).

Você vai almoçar no self-service hoje?

Login

Login pode ser traduzido como “acesso” em português. Trata-se do termo usado para indicar a área para inserir os seus dados pessoais e entrar em alguma página na web. É um termo voltado exclusivamente à linguagem da internet. O termo é composto pela palavra “log” (registro) e o sufixo “in” (dentro, no interior).

É necessário fazer o login para acessar o Facebook.

Drive-thru

Drive-thru é uma expressão norte-americana e significa literalmente “através do carro”: “drive” (dirigir) + “thru” (através de). Ela nasceu em 1931, com a ideia de criar um sistema de vendas no qual os clientes não precisassem sair dos seus automóveis. É comum a venda de alimentos fast food com esse sistema.

Vamos ao drive-thru pegar um lanche?

São inúmeras as palavras em inglês usadas no dia a dia. Ao estudar o idioma e se aprofundar na cultura de países que o adotam como língua oficial, fica muito mais fácil entender situações cotidianas a partir dessas palavras e não ficar com dúvidas na hora de escrever mensagens rápidas, por exemplo.

Se o inglês está tão presente no cotidiano das pessoas, vale a pena entender a sua importância nos dias atuais. Confira agora no nosso blog!