Todos os brasileiros que querem viajar pelos Estados Unidos precisam do visto americano para entrar legalmente no país. Ele é fundamental para turistas, para quem busca realizar negócios por lá, para estudar em universidades americanas… Enfim, é obrigatório para aqueles que queiram entrar no país, seja qual for o objetivo final. No post de hoje vamos dar o passo a passo de como tirar o visto de não imigrante, que inclui os vistos de turismo, estudante e de negócios. Descubra tudo o que você precisa saber sobre como tirar o visto americano. Confira!

Qual o motivo da sua viagem?

Antes de mais nada, para que você possa solicitar o visto americano, é preciso saber qual o objetivo da sua viagem: você vai para turismo, para estudo, para negócios? A partir daí é que você poderá verificar qual o tipo de visto necessário e como proceder. 

Quem precisa solicitar o visto americano?

Como já mencionado antes, independente do objetivo, tempo de viagem e de permanência nos Estados Unidos, qualquer estrangeiro que deseje entrar no país precisa solicitar o visto americano. Isso nos inclui – é claro -, mesmo que estejamos só de passagem por aeroportos americanos, fazendo alguma escala.

Tipos de vistos americanos

Há diferentes tipos de vistos americanos, que se distinguem entre “vistos para imigrantes” e vistos para não imigrantes”. O brasileiro turista se encaixa na categoria “não imigrante”, que inclui os viajantes de estadia temporária, seja a turismo, estudo, trabalho ou intercâmbio. Quem viaja, por exemplo, para o turismo, deve solicitar o tipo B-2. Já quem passará apenas a trânsito precisa do tipo C-2. 

Atenção ao passaporte

A primeira coisa que é importante destacar é que, para que viajantes brasileiros possam ingressar nos Estados Unidos, o passaporte deve estar válido durante o período de permanência no país. Se ele estiver danificado de qualquer forma, é preciso fazer um novo documento antes de começar o processo de solicitação do visto americano.

Saiba o passo a passo para solicitar o visto americano

Veja a seguir um passo a passo explicando como solicitar o visto americano. Esclareça suas dúvidas e confira tudo o que você precisa saber sobre o processo:

1) Formulário DS-160

O primeiro passo para conseguir o visto americano é preencher o formulário DS-160, que trata da solicitação de visto para não imigrantes. É um formulário longo, cheio de perguntas. É todo em inglês, assim como o site em geral, mas é possível ver a tradução das perguntas dentro do próprio formulário, facilitando o entendimento de quem não compreende a língua inglesa. Esteja atento ao correto preenchimento, pois qualquer erro nos dados informados pode prejudicar o processo para a liberação do visto. Lembrando que as informações serão confirmadas/comprovadas no momento da entrevista. Também é importante salvar cada uma das etapas, evitando que a página expire e você tenha que preencher tudo outra vez desde o início. Salve o número do formulário, sem ele você não terá como acessá-lo novamente. 

2) Pagamento da taxa

Até o momento da publicação deste post, a taxa é de U$ 160 para o visto de turismo. É importante frisar que há diferentes tipos de vistos com diferentes valores e procedimentos. Para realizar o pagamento da taxa, deve-se entrar no site do agendamento. A taxa pode ser paga via boleto ou cartão de crédito, e o valor sai em reais, conforme o cálculo automático do sistema, de acordo com o câmbio do dia. Se o pagamento for através do cartão de crédito, a compensação sai na hora e você já pode ir para o próximo passo, que é o do agendamento. Para o pagamento em boleto, deve-se esperar a compensação bancária para então seguir com o processo. Com o novo sistema, esta é a única taxa – não há mais cobrança separada para agendamento ou envio do passaporte.

3) Agendamentos

Com o pagamento confirmado, você será liberado para realizar os agendamentos presenciais. No Brasil, os vistos são emitidos na Embaixada Americana, que fica em Brasília, ou nos Consulados Americanos, com sede em Recife, Rio de Janeiro, São Paulo e Porto Alegre. Se você não morar em nenhum desses lugares, infelizmente, você terá que se deslocar até eles para poder realizar a entrevista, com exceção de Porto Alegre, em que tudo é realizado no Consulado.

Nos outros locais deve-se ir primeiro no Centro de Atendimento ao Solicitante de Vistos (CASV). Lá, eles irão tirar sua foto e registrar as suas digitais. Só depois disso é que a entrevista no Consulado será agendada. Como não há esse Centro na cidade gaúcha, o viajante é obrigado a levar uma foto que respeite uma série de pré-requisitos que estão informados no site. Nas demais regiões, é possível fazer os dois agendamentos no mesmo dia. 

Fique atento

Na hora que você abrir o site para os agendamentos, vai aparecer primeiro para você marcar a entrevista no Consulado e depois no CASV. Mas você primeiro tem que ir no CASV, e depois no Consulado. É importante ficar atento, para marcar as datas corretamente. 

4) Comparecer nos locais de agendamento

Feito os agendamentos, o próximo passo é comparecer nos locais, nas datas e horários marcados. No CASV, o seu celular deve ficar desligado durante todo o tempo. Já no Consulado, você não deve entrar com celular nem absolutamente nada que não seja o seu passaporte e documentos. Por isso a dica é: leve apenas o estritamente necessário.

Como já dito, no CASV vai precisar entregar o seu passaporte, em que irão colocar um adesivo de identificação do processo. Você vai tirar uma foto e registrar as suas digitais. Não é permitido entrar no recinto com mais de 15 minutos de antecedência do horário marcado. E é preciso levar o passaporte e a página de confirmação do formulário DS-160 em que consta um código de barras.

Exceção

Pessoas acima de 79 anos e menores de 14 anos não precisam realizar a entrevista para o visto americano. Entretanto, podem ser chamados caso a Embaixada ou Consulado achem necessário.

5) Entrevista 

É chegada então a última etapa: a da entrevista presencial. Só é permitida a entrada na Embaixada ou no Consulado quem tiver horário marcado, ou seja, quem estiver solicitando o visto americano. Acompanhantes só são permitidos para menores de idade. 

Você passará por um raio-x e, de fato, não poderá entrar com nada (para se ter uma ideia, nem um relógio de pulso é permitido). Você deve levar o passaporte atual e, caso já tenha tido um visto anteriormente, tem que levar o passaporte antigo também, fora a página de confirmação do formulário DS-160 e a página de confirmação do agendamento. No caso de Porto Alegre, levar também a fotografia 5×5. 

Documentos

Fora isso, o oficial do Consulado pode solicitar documentos que comprovem as informações fornecidas no formulário. Os mais comuns são as provas de que você possui dinheiro suficiente para bancar a sua viagem aos Estados Unidos, além de vínculos com o Brasil, que demonstrem a sua intenção de regressar após a viagem. Ou seja, você não poderá (nem que quiser) ficar por lá como um imigrante ilegal. Essas provas variam conforme a vida e a situação de cada um. Pode ser uma matrícula na faculdade, trabalho, família, escola do filho, entre outros. A entrevista é completamente variável caso a caso, e independe do perfil.

Atenção

É importante lembrar que o trabalho dos oficiais é tentar evitar ao máximo que pessoas entrem nos Estados Unidos e se tornem imigrantes ilegais. Por isso vá preparado, munido de todos os documentos que possam vir a ser exigidos. E fale sempre a verdade, sempre tranquilo, confirmando os dados que apresentou no formulário de solicitação.  

No final da entrevista você vai saber se o seu visto foi aprovado ou negado. Em caso de aprovação, você vai ter que cumprir mais uma etapa.

6) Passaporte com o visto americano 

Se você teve o visto americano aprovado, é preciso ir para o sexto passo, que é buscar o passaporte. Isso porque ele fica na Embaixada ou no Consulado, a emissão não é instantânea, demora alguns dias. 

Quando o visto fica pronto, você recebe um e-mail e, a partir dessa data, você terá 30 dias para realizar o agendamento para a retirada. Com data e horários marcados, compareça no local munido do comprovante de agendamento. 

Reaver passaporte

Você também deve selecionar a forma como quer reaver o passaporte. Existem duas formas: a gratuita, que é marcar um novo dia para ir até o CASV, ou o Consulado. No caso de Porto Alegre, deve-se pegar no local ou pedir para ser enviado até a sua residência, ao custo de R$ 31.

Tudo pronto!

Agora, com passaporte e visto americano em mãos, é só correr e marcar a viagem! Mas vale lembrar que só ter esse documento não garante obrigatoriamente a sua entrada nos Estados Unidos, mas a permissão para você ir até uma fronteira e solicitar a entrada no país. A decisão soberana continua sendo do agente de imigração no aeroporto de sua chegada. Dessa forma, se você tiver o visto regularizado, mas apresentar problemas com seus demais documentos ou outra irregularidade – na alfândega, por exemplo -, pode ter sua entrada vetada. Ele pode te deportar para o Brasil, mesmo você tendo o visto. 

Na imigração, você receberá o período que deverá permanecer nos Estados Unidos, geralmente 6 meses. 

Não deixe de entrar em contato com a Embaixada ou Consulado americano mais próximo para tirar suas dúvidas!

Conclusão

E aí, vai viajar para os Estados Unidos? Espero que esse passo a passo para solicitar o visto americano tenha te ajudado, que tenha sido útil e esclarecedor. 

Todo esse processo para tirar o visto pode ser considerado difícil para alguns, principalmente para quem é turista de primeira viagem. Mas não é preciso ficar nervoso. 

Seguindo o passo a passo à risca e estando em dia com todas as suas documentações, maiores serão as chances de conseguir tirar o tão sonhado visto americano. 

banner-site_blog_-_2_artess