O setor de franchising tem sido destaque no atual cenário econômico. De acordo com a Pesquisa Trimestral de Desempenho do Franchising realizada pela ABF (Associação Brasileira de Franchising), o setor teve aumento de 6,8% de faturamento no segundo trimestre de 2017. E é por isso que tem sido a escolha de muitos na hora de empreender.

O primeiro passo para entrar nesse setor é saber a diferença entre franquia e franchising e conhecer os termos recorrentes desse mercado. Franchising é o modelo de negócios que consiste em uma estratégia de expansão através de unidades franqueadas, que são denominadas de franquias.

A empresa que detém a marca é a franqueadora, que cede ao franqueado o direito de uso e venda de seus serviços ou produtos utilizando sua marca. Ou seja, o franqueado é o responsável pela administração de sua franquia.

Mas quais são as vantagens de ser um franqueado? É isso que vamos mostrar a seguir:

Investimento de baixo custo

Se você quer empreender, mas tem pouco recurso para investir, o setor de franchising pode ser a solução para você.  O investimento inicial em uma franquia tende a ser menor do que abrir um negócio próprio do zero, pois as franqueadoras oferecem muitas vantagens e suportes que você não teria sozinho. Um exemplo de franquia de baixo custo são as de idiomas.

Marca conhecida no mercado

Como a franqueadora já está no mercado, ao abrir uma unidade franqueada você já conta com essa vantagem de ter seu negócio conhecido pelos seus potenciais clientes. Além disso, você vai se beneficiar com as campanhas e investimentos em marketing que a franqueadora fizer para atrair mais clientes e aumentar as vendas.

Ganho de escala com a rede de franchising e franquia

Ser dono de uma franquia quer dizer que você participa de uma rede junto com a franqueadora e os demais franqueados. Isso faz com que em uma negociação com fornecedores, como vocês representam várias unidades, consigam preços e condições melhores.

Suporte da franqueadora

Para quem nunca empreendeu, talvez essa seja uma das grandes vantagens. As franqueadoras possuem processos e planos de negócio bem estabelecidos. Elas fornecem treinamentos e capacitações ao empreendedor e aos seus funcionários, ajudam na prospecção dos clientes e oferecem suporte de marketing para criação de material para divulgação. Além disso, oferecem software de gestão desenvolvido de acordo com a necessidade do negócio.

Como você viu, há muitas vantagens ao entrar no setor de franchising e ser o dono de uma franquia. O mais importante é saber que tendo todo o apoio necessário, você já sai na frente de quem está começando agora, pois conta com todo o know-how de quem já está no mercado e que já validou seu modelo de negócio.

Para escolher aquela que tem mais a ver com o seu perfil, busque por aqueles negócios que tem o investimento inicial dentro do que você está disposto a investir e que tenham a ver com expertises que você já possui ou que sejam de seu interesse pessoal, afinal, trabalhar com o que gostamos faz com que tenhamos mais prazer para se dedicar.

Gostou deste conteúdo? Então aproveita para ler também o nosso post Franquia de idiomas: por que ela é garantia de sucesso?.