Quando é preciso indicar o nível de compreensão oral em inglês em alguma entrevista de emprego, no currículo, ou ainda para a simples decisão de retomar os estudos, muitas vezes não sabemos por onde começar.

Apesar de ser comum dividir as pessoas entre “não entende inglês” e “entende inglês”, a realidade é que a compreensão se divide em vários níveis que aumentam gradualmente conforme o nível de entendimento da língua vai crescendo.

Isso significa que, em relação a sua capacidade de compreender o listening, por exemplo, você pode estar muito além do que imagina. Afinal, a cada nova experiência com o idioma, a compreensão tende a ficar mais aguçada, o que facilita o entendimento em situações cotidianas, como assistir a um filme ou ouvir músicas em inglês.

Se você está surpreso com essa informação, continue acompanhando esse post e descubra qual o seu nível de compreensão oral em inglês. Isso vai te ajudar a observar quais aspectos do seu listening estão precisando de mais atenção.

Os níveis de compreensão oral em inglês

Para traçar metas e avançar no idioma, é importante perceber qual o ponto de partida. Por isso, de forma geral, existem cinco níveis de compreensão oral em inglês: iniciante sem nenhum entendimento, iniciante com entendimento básico, intermediário com pouco entendimento, intermediário com muito entendimento e avançado.

Alguns lugares e testes de proficiência ainda podem incluir o “falante nativo” como um último nível após o avançado ou, ainda, outros níveis acima dele, segundo suas determinações.

Assim, em um primeiro momento, escutar um diálogo entre duas pessoas durante uma aula de inglês ou em uma viagem para o exterior pode parecer difícil. Mas, com o desenvolvimento da conversação, os sons das palavras, as entonações, as expressões culturais, o sotaque e a linguagem passam a ser notados e compreendidos mais facilmente.

Definição de cada um dos níveis de compreensão

É comum que os estudantes, ao assistir séries — das mais leves às mais complexas — ou ouvir podcasts e músicas, por exemplo, passem a compreender uma maior quantidade de palavras e expressões.

Tudo isso se dá por conta do nível de compreensão adquirido com o passar do tempo, que está associado também ao grau de contato com o idioma. Sendo assim, veja a seguir o que define cada nível de compreensão.

1. Iniciante sem nenhum entendimento

Esse nível, como o próprio nome define, é aquele onde se encaixam os estudantes que ainda não podem traduzir aquilo que escutam no idioma inglês para algo compreensível que faça sentido, tenha coesão e coerência.

Também fazem parte deste nível os estudantes que dominam apenas poucas expressões mais populares, como “What is your name?”, ou frases de músicas conhecidas, como “Crazy in Love”, da cantora Beyoncé.

Nesse nível, os estudantes entram em contato com a sonorização das palavras em inglês a partir de textos simples e com vocabulários utilizados em situações cotidianas. Em escolas onde a metodologia visa o uso prático do inglês, por meio da conversação o aluno treina o ouvido desde o princípio, o que permite que ele avance com rapidez e eficiência para o próximo nível.

2. Iniciante com entendimento básico

No segundo nível se encontram aquelas pessoas que têm habilidade para compreender textos com vocabulários simples e acessíveis, além de diálogos em fluxo regular que não abusam de muitas expressões e gírias.

Isso porque o vocabulário dominado por pessoas nesse nível ainda é escasso, pois elas nunca estudaram inglês de forma aprofundada e só tiveram contato com o idioma durante o ensino regular. Ainda assim, o entendimento básico permite a identificação e tradução simultânea de algumas palavras e frases em contextos mais complexos.

3. Intermediário com pouco entendimento

A passagem do nível 2 para o nível 3 pode parecer sutil, porém a diferença aqui é que as pessoas podem escutar áudios ou conversas que não são próprias aos temas e exercícios das aulas de inglês. Nesse nível, o estudante já é capaz de compreender de 20 a 70% do que está sendo dito em filmes, séries, músicas, audiolivros, em conversas e outras situações mais específicas.

Entretanto, o pouco entendimento se refere ao fato de que esse estudante pode ainda não assimilar muita coisa de um determinado assunto ou do grau de dificuldade do vocabulário — principalmente se for específico de algumas áreas, como o marketing, ciência e negócios, por exemplo.

4. Intermediário com muito entendimento

Nesse nível, as pessoas ficam bastante motivadas a continuar evoluindo porque, em situações corriqueiras do dia a dia, elas já são capazes de compreender cerca de 50% do assunto, independente do tema abordado.

Portanto, os programas televisivos e as idas ao cinema para filmes legendados ficam muito mais interessantes e acessíveis sem que seja necessário reter a atenção totalmente nas traduções.

É também nesse momento em que os estudantes passam a se interessar mais por conteúdos variados em inglês, já que conseguem compreender os assuntos sem muito esforço. Além disso, também conseguem identificar palavras ou expressões que não foram entendidas e merecem atenção.

5. Avançado

O nível 5 se refere àquelas pessoas que compreendem o idioma inglês acima de 80%. Isso significa ser capaz de estabelecer um diálogo com algum nativo e ter que recorrer ao dicionário — ou pedir auxílio — apenas em situações pontuais ou sobre temas específicos.

É verdade também, como apontado, que acima desse nível existem outras determinações. Mas, quem entende em grau avançado está a poucos passos de uma compreensão como um nativo. Para isso, é necessário muita prática, com conversação e listening, para alcançar os 100%.

Isso porque, quem domina 80% da compreensão oral, também será capaz de falar muito bem. O maior impedimento, em geral, é o medo de errar ao conversar em outro idioma, que é perdido mais facilmente com o uso corriqueiro da língua.

A partir dessa estrutura que divide em 5 níveis a compreensão oral do inglês, fica mais fácil definir um objetivo e um ponto de partida para o desenvolvimento do inglês.

Pessoas que buscam, por exemplo, realizar uma viagem ao exterior ou se comunicar bem para os negócios precisam se dedicar para avançar nos níveis de entendimento do idioma de forma gradual, mas constante. Assim, o caminho para a compreensão oral efetiva do inglês fica muito mais empolgante e acessível.

E aí, gostou desse conteúdo? Conseguiu perceber qual é o seu nível de compreensão? Então, agora, assine a nossa newsletter e fique por dentro de mais dicas como essas!